Você usa alguma rede social? Hoje essa pergunta pode ser vista como desnecessária, já que aqui no Brasil, existem 130 milhões de usuários ativos só no Facebook (2019). Isso sem contar com Instagram, YouTube e LinkedIn. Entre os jovens, principal público-alvo das IES é raro encontrar quem não faça uso delas. Por essa e outras razões, as redes sociais para IES devem ser incluídas na estratégia de marketing.

Veja, a seguir, como atrair e engajar as redes sociais de sua instituição de ensino superior em 5 dicas. Não deixe de conferir!

1. O Objetivo Principal das Redes Sociais para IES

Objetivo Principal das Redes Sociais para IES

Os alunos são cada vez mais nativos digitais, e as redes sociais são parte do seu cotidiano. Mesmo que a equipe de marketing da IES não tenha criado a rede social com o objetivo de canal de atendimento, esse é um caminho natural.

Por natureza, as redes sociais são utilizadas pelo público para tirar dúvidas, comentar suas opiniões, e assim a IES consegue desenvolver um relacionamento com o público.

A má gestão das redes sociais certamente repercute negativamente para os usuários, que desejam receber as respostas aos seus questionamentos de forma rápida, educada e satisfatória.

Você pode melhorar o seu atendimento nas redes sociais com 4 passos:

  • #1: defina um responsável pelo atendimento digital;
  • #2: liste as principais perguntas realizadas pelos alunos;
  • #3: utilize ferramentas específicas de atendimento online;
  • #4: escolha as suas redes sociais.

Ao contrário do que se pensa, a venda não é o objetivo principal, mas sim consequência de um bom marketing de relacionamento com o seu cliente.

Veja Também:  Como Definir o Público-alvo e a Persona de IES?

2. A importância do Planejamento de Conteúdo

A Importância do Planejamento de Conteúdo

Assim como a equipe de atendimento, o conteúdo compartilhado na sua rede social possui papel decisivo no relacionamento com o seu público-alvo e na mensagem que você deseja transmitir.

O ideal é que o conteúdo seja planejado para atingir o objetivo da IES. Entretanto, é importante lembrar que as redes sociais tendem a ser visuais. Então mesmo que o conteúdo seja bem escrito, ele deve estar acompanhado de uma boa peça de design.

As peças que chamam mais atenção são as que possuem menos textos e seguem um padrão. Seguir uma mesma linguagem e mesmo design cria uma imagem mais forte da instituição.

Atenda Vestibulandos e Atuais Alunos

Por mais que o principal objetivo de marketing da IES seja atrair novos alunos, é importante que os alunos já matriculados também recebam posts direcionados a eles nas redes sociais.

Anúncios sobre assuntos ocorrendo dentro do campus, aviso de férias, funcionários queridos e qualidades dos cursos levantam a auto estima do estudante. A valorização do estudante é muito importante para manter o engajamento.

As postagens que envolvem histórias verdadeiras e pessoas são as que mais chamam atenção. No virtual muitos padrões de postagens são repetidos, ficando praticamente na mesmice. Sempre que possível aposte em depoimentos, posts sobre formaturas e acontecimentos que façam com que o aluno se identifique com eles.

Não Exagere nos Posts de Oportunidade

Por lidar com o público majoritariamente jovem, algumas IES tendem a aproveitar tendências relacionadas ao timing. Por mais que seja interessante mostrar que a faculdade está antenada não é bom exagerar nesse tipo de conteúdo.

Eles indicam descontração, mas se usados exageradamente podem acabar passando uma imagem errada da IES.

3. A Redes Sociais Onde o seu Público Está

A Redes Sociais Onde o seu Público Está

Em fevereiro, a Rock Content divulgou sua pesquisa intitulada Social Media Trends 2019, com diversos dados coletados sobre o comportamento de usuários e empresas nas redes sociais.

Veja Também:  Mídia Paga Para IES: Vantagens de Anunciar no Digital

96,2% das empresas do Brasil estão participando de alguma rede social. Quando se trata de usuários, todos que responderam a pesquisa possuem algum perfil em rede social.

As redes sociais mais utilizadas são o Instagram e o Facebook, com 92,5% e 92,1% respectivamente. Houve um equilíbrio entre a participação de homens e mulheres por faixa etária.

Entretanto, quando falamos sobre escolaridade, 90% do público participante possui pelo menos o curso superior incompleto. Ou seja, existe uma grande oportunidade para as IES nas redes sociais, desde que sejam bem aproveitadas.

As três redes sociais que apresentaram aumento de público de 2018 para 2019 foram Instagram, YouTube e LinkedIn. Sobre as informações que mais são fonte de interesse podemos listar que as mais buscadas são:

  • 13,4%: informações sobre área de atuação e profissão;
  • 10,4%: notícias gerais;
  • 9,9%: tecnologia;

A aderência ao LinkedIn pode estar relacionada a duas situações: ou o possível aluno está empregado ou busca colocação no mercado. Em ambos os casos, existe a necessidade de expandir aprendizado para manter ou melhorar sua empregabilidade. Programas de pós graduação podem ter mais eficácia, uma vez que é possível direcionar conteúdos para categorias de profissionais específicos, através de anúncios patrocinados.

Já Instagram e YouTube são redes sociais com recursos de videos que podem ser usados com muita facilidade.

Os jovens buscam facilidade, e tanto fazer um vídeo atualmente quando assistir um é cada vez mais fácil. Esse é um insight que a IES pode utilizar ao invés de focar somente no Facebook.

4. Patrocínio Para o Que é Importante

Patrocínio Para o Que é Importante

Cada rede social mostra as postagens no feed de notícias de uma forma diferente. Facebook, por exemplo, usa o algoritmo EdgeRank. O Instagram também possui o seu algoritmo próprio.

Então, com base nesses algoritmos as postagens que aparecem no feed de cada usuário são selecionadas de acordo com a preferência de cada um.

Veja Também:  E-mail Marketing em Instituições de Ensino: Insights e Estratégia

Por essa razão, as postagens estratégicas, como uma postagem sobre data de matrícula, devem receber impulsionamento para alcançar o público-alvo desejado. Na maioria das vezes, só fazer a postagem não é suficiente para gerar resultado.

EdgeRank

EdgeRank é o algoritmo que define o feed de notícias do Facebook para cada usuário. Considerando afinidade, tempo e relevância, ele define qual conteúdo é mostrado para cada usuário.

Devido à maneira como o EdgeRank faz a seleção de publicações para o público, muitas das postagens que são publicadas não chegam no feed das pessoas que acompanham a página. Isso reforça a necessidade de patrocinar posts estratégicos.

5. Gerencie, Monitore e Automatize

Gerencie, Monitore e Automatize

Para manter as redes sociais de uma IES atualizadas o trabalho deve ser constante. Para isso, é preciso planejamento, gestão e monitoramento dos resultados gerados com cada ação desempenhada.

Escolha as métricas que façam sentido na sua estratégia e acompanhe-os de perto. Para gerir e monitorar os resultados, algumas plataformas de integração de redes sociais podem ser usadas.

Elas facilitam o trabalho de postagens e agendamentos, dessa forma a equipe responsável dispõe de mais tempo para analisar e planejar os conteúdos e otimiza o fluxo de postagens e manutenção da rede social.

As redes sociais estão sempre se atualizando, seja pela criação de novas ou pela alteração no seu funcionamento. Por isso, a equipe de marketing da IES deve estar preparada para se adaptar às mudanças. As redes sociais para IES oferecem uma forma de comunicação com a persona que outros meios não conseguem oferecer. Por isso, elas devem ser incluídas na estratégia de marketing educacional.

Gostou do nosso conteúdo sobre atração de alunos com redes sociais? Entre em contato e veja outras soluções voltadas a resultados para IES.

< Voltar

Veja também

ESTÁ PRONTO?

explore novas galáxias.

Quero Explorar